WHATSAPP (71) 99170-0494 - Seg a Sex das 8h às 17h

Alcool e direçao - uma analise psicopolitica

Mais Imagens

Alcool e direçao - uma analise psicopolitica

Preço: R$39,90

Preço Promocional R$37,91

Disponível: Em estoque

Descrição

Detalhes

Aproximações com o Campo

Capítulo I, Construção do Objeto

1.1 Psicologia Social do Trânsito: Revisão da Literatura

1.2 A Produção Científica em Psicologia Social do Trânsito

Capítulo II, Acidentes de Trânsito e Condução Perigosa

2.1 Revisando as Teorias Explicativas

2.2 Revisando a Literatura Empírica

Capítulo III, O Consumo de Álcool e suas Consequências no Trânsito

Capítulo IV, Pressupostos Teóricos

Capítulo V, Procedimentos Metodológicos

5.1 Sujeitos

5.2 Instrumentos

5.3 Sistematização dos Dados

5.4 A Análise dos Dados

Capítulo VI, Entrevistando os Condutores Infratores da Lei Seca

Capítulo VII, Entrevistando os Condutores Não Infratores

Considerações Finais

Referências

Temas mais pesquisados na área de Psicologia do Trânsito de acordo com pesquisa elaborada por Ledesma, Poó e Peltzer (2008)

Sumário

Summary

Este livro decorre dos questionamentos da autora, como pesquisadora, baseados em experiências tanto pessoais quanto profissionais, relativas à temática álcool e direção. O foco é a forma de agir das pessoas, dentro de grupos, com seus pares e a relação com o ato de dirigir. O objetivo da presente obra foi compreender quais os fatores sociais e políticos que influenciam a atitude dos condutores em relação à Lei 11.705/08 (Lei Seca). Para a consecução desse objetivo partiu-se de uma pesquisa bibliográfica e optou-se por realizar entrevistas semiestruturadas com motoristas que foram flagrados dirigindo alcoolizados e com motoristas que não dirigem após ingerir bebidas alcoólicas. Com base na utilização de técnicas de análise de conteúdo apresentamos os resultados em torno de quatro eixos interpretativos: os contextos sociais dos entrevistados; descrédito em relação à eficácia da lei e das ações do governo; álcool, direção e cultura e fiscalização, impunidade e corrupção. Adotamos como aportes teóricos a teoria da Dissonância Cognitiva elaborada por Leon Festinger (1975), algumas considerações de autores da Psicologia Social, como Sandra Jovchelovitch (2000), e sobre a teoria da atribuição social. A presente pesquisa utiliza o método qualitativo, a análise de conteúdo dos discursos e o sistema de interpretação como metodologia de análise. O leitor encontrará nas páginas desta obra dados empíricos e análises que lhe permitirão reflexões sobre o cidadão e sua relação com o Estado, e como isso reflete em seu comportamento no trânsito.

Sobre o Autor

Sobre o Autor

VANILDA APARECIDA DOS SANTOS

Doutoranda e Mestre em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP. Especialista em Estudos Latino-Americanos (DELA) pela Université Paris III, Sorbonne, França. Especialista em Psicologia do Trânsito pelo Conselho Federal de Psicologia. Graduada em Ciência Política pela Université Paris VIII, França. Graduada em Psicologia pela Universidade de Alfenas. Professora de Metodologia Científica, Psicologia Social e Sociologia das Organizações para os cursos de Medicina do Trabalho da Universidade Camilo Castelo Branco - UNICASTELO. Coordenadora operacional adjunta de pós-graduação em Medicina do Trabalho e Perícia Médica da Universidade Camilo Castelo Branco - UNICASTELO/ÁGORA Cursos, Pouso Alegre/MG. Integrante do Núcleo de Pesquisa Psicologia Política e Movimentos Sociais da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e do Núcleo de Estudos Estratégicos e Relações Internacionais (NEERINT) da Universidade Federal do Acre. Membro do Conselho Fiscal da Associação de Psicologia Política. Possui experiência em Psicologia do Trânsito - Psicóloga Perita Avaliadora e Psicologia Clínica.

Detalhes do Produto

Detalhes do Produto

editora Jurua
Autor VANILDA APARECIDA DOS SANTOS
ISBN-13 9788536250373
Edição 1
Ano da edição 2015
Número de Páginas 128
Calcule o Frete

Calcule prazo de entrega e frete: